segunda-feira, 19 de outubro de 2015

VULCÃO SARYCHEV VISTO DO ESPAÇO

Dei hoje de caras com esta foto e com este vídeo, tiradas pela Estação Espacial Internacional. 
Remontam a 2009, e respeitam à erupção Sarychev, nas Ilhas Kuril, a nordeste do Japão. As cinzas deste vulcão chegaram a atingir uma distância de quase 2500 km a este-sudeste e quase 1000 km a oeste-noroeste.

Créditos: NASA

O facto de haver uma clareira em redor da explosão tem 3 possíveis explicações, e os cientistas não chegaram a acordo sobre o que a originou. 
A primeira hipótese é que não tem nada a ver, e resulta apenas da disposição natural das nuvens.
A segunda diz que a onda de choque que derivou da explosão provocou este movimento nas nuvens.
Por fim, outra teoria diz que ao passo que a coluna de fumo sobe, o ar lateral desce e tende a aquecer, fazendo com que as nuvens evaporem.
Independentemente da teoria, as imagens são incríveis.

video

Sem comentários: